Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2013

Top 5: vamos diminuir o consumo?

Imagem
Abaixo cinco dicas que nos ajudam a não cair em tentação na hora (ou quando não é hora) das compras. Eu faço uso de todas e atesto que fazem a diferença!
1- Descadastre-se para não receber e-mails de lojas online. Esses e-mails são uma tentação, embora algumas vezes muito interessantes, nos deixam com o bichinho do consumo piscando na nossa mente. A dica em definitivo é: cancele todas as assinaturas.
2- Tire as lojas dos seus favoritos Excluir o acesso fácil das lojas on line ajuda a dificultar o consumo impulsivo. Faça aquela faxina e deixe apenas os links interessantes que não sejam de lojas!
3- Se for ao shopping ou a um centro comercial, use listas. Hoje em dia é muito difícil deixar de ir aos shoppings ou centro comerciais. Muitas vezes só neles encontramos cinemas, por exemplo. Se esse for o caso, vá, mas faça uma lista com o que precisa fazer, assim o risco de fugir é menor. Ex:  Cinema Comprar lâmpada Lanche Frutas no mercado Farmácia – remédio para dor de cabeça
4- Vá ao superme…

O minimalismo gera preconceito?

Imagem
Ontem em uma das minhas aulas de inglês, o assunto foi o minimalismo. Conversamos muito sobre o que é seguir esta filosofia e foi muito interessante saber o ponto de vista das pessoas que estão fora deste “mundo”.  É incrível como o pré-conceito sempre fala mais alto. As pessoas acham que os minimalistas são aqueles que não tem casa, não tem objeto algum, duas mudas de roupas, e vivem de “favor” na casa dos outros. Isso me assustou!
Essa abordagem me fez refletir a respeito: Porque não podemos ser minimalistas tendo casa, carro, viagem, diversão? Questiono porque não deixo de ser minimalista, mas tenho/busco por tudo isso. É importante lembrar da base desta filosofia – “identificar o essencial e eliminar o resto”.  O meu essencial é diferente do seu, querido leitor. Acho importante ter minha casa, porque entendo que pagar aluguel ou viver de favor é pesar no bolso ou na vida dos outros. Para que isso não aconteça, é importante poupar e viver com tranqüilidade, conforto e sem os exage…